segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Pela espera...


Desde a Aurora


Como um sol de polpa escura
para levar à boca,
eis as mãos:
procuram-te desde o chão,
----
entre os veios do sono
e da memória procuram-te:
à vertigem do ar
abrem as portas:
----
vai entrar o vento ou o violento
aroma de uma candeia,
e subitamente a ferida
recomeça a sangrar:
----
é tempo de colher: a noite
iluminou-se bago a bago: vais surgir
para beber de um trago
como um grito contra o muro.
----
Sou eu, desde a aurora,
eu — a terra — que te procuro.
----
Eugénio de Andrade, in "Obscuro Domínio"
--

16 comentários:

lagartinha disse...

Passei só para deixar um beijinho.
Fui atacada pela gripe e ainda estou meio zonza... depois venho ler de novo este poema.
Até já

Zé Povinho disse...

Vim pelo entardecer, apreciar a aurora algo obscura de Eugénio de Andrade.
Boa semana
Abraço do Zé

Cata-Vento disse...

Ler Eugénio de Andrade é sempre um prazer renovado seja ao entardecer ou ao raiar da aurora.

Boa escolha!

Bjinhos

Bem-hajas!

o escriba disse...

Ana Lagartinha

Espero que já esteja recomposta de saúde.

bjinhos
Esperança

o escriba disse...

Zé Povinho

Coloquei a aurora do Eugénio de Andrade enquanto esperava pela minha Aurora, que nasceu hoje!
Obrigada.

Um abraço
Esperança

o escriba disse...

Cata-Vento

Foi o poeta que escolhi para receber a minha neta Aurora que nasceu hoje!

bjinhos
Esperança

Isa disse...

Entrei aqui num dia lindo para si:
o Nascimento duma neta! Será a Aurora das vossas VIDAS!
Parabéns.Muitos.Tudo de bom!
Abraço.
isa.

Jorge P.G disse...

Venho dar-lhe os parabéns pelo nasco«imento da netinha Aurora, do que tive conhecimento por palavras suas deixadas ontem no "Cata-Vento".

Muitas felicidades.

o escriba disse...

Isa

Seja bem vinda ao meu soma.
Muito obrigada pelas suas simpáticas palavras.

bjs
Esperança

o escriba disse...

Jorge

Muito obrigada!
Afinal sempre mudei de escalão. Agora sou estagiária-1ºano-avó!

Um abraço
Esperança

lagartinha disse...

Pelo que li (cusca) é vovó? Parabéns e muita saúde para mimar até à exaustão a netinha. Por favor, faça dela uma MULHER de valor que zele pelo nosso futuro, para quando formos velhinhas, podermos dizer que tivemos uma palavra a dizer na formação de uma pessoa de bem.
Muitas felicidades e beijinhos

o escriba disse...

Ana Lagartinha

Sem dúvida, amiga. Apesar do mundo em que vivemos, tudo o que me foi passado pelos meus pais, e que passei à minha filha, irei incutir nela. É essa a minha obrigação!
Muito obrigada.

bjinhos
Esperança

(espero que já esteja melhor e pronta a rastejar pelas folhinhas verdinhas)

Jorge P.G disse...

Tudo bem com a menina Aurora, espero!

Muita saúde e felicidades.

Para si, um abraço.

Templo do Giraldo disse...

Ora viva amigo boa tarde. Depois de algum tempo de ausência da minha parte passei por aqui a deixar um abraço fraterno, e dizer que que ando "por ai" mas sempre atento as novidades aqui do teu espaço.

SAUDAÇÕES.

o escriba disse...

Jorge

A menina Aurora vai muito bem!
É pequenina, mas vivaça, com os seus olhos sempre bem abertos e um grande apetite.

Muito obrigada, amigo!

Um abraço
Esperança

o escriba disse...

Templo do Giraldo

Obrigada pela visita e volte sempre!

Um abraço
Esperança