terça-feira, 14 de outubro de 2008

Parar para Ouvir

Todo o Tempo do Mundo

Podes vir a qualquer hora
Cá estarei para te ouvir
O que tenho para fazer
Posso fazer a seguir
Podes vir quando quiseres
Já fui onde tinha de ir
Resolvi os compromissos
agora só te quero ouvir
Podes-me interromper
e contar a tua história
Do dia que aconteceu
A tua pequena glória
O teu pequeno troféu
Todo o tempo do mundo
para ti tenho todo o tempo do mundo
Todo o tempo do mundo
Houve um tempo em que julguei
Que o valor do que fazia
Era tal que se eu parasse
o mundo à volta ruía
E tu vinhas e falavas
falavas e eu não ouvia
E depois já nem falavas
E eu já mal te conhecia
Agora em tudo o que faço
O tempo é tão relativo
Podes vir por um abraço
Podes vir sem ter motivo
Tens em mim o teu espaço
Todo o tempo do mundo
para ti tenho todo o tempo do mundo
Todo o tempo do mundo
Rui Veloso – Todo o tempo do mundo

20 comentários:

lagartinha disse...

Tooodo o tempo do mundo
tenho toooodo o teempo do mundo
Eheheh e agora? vou ficar a cantarolar a noite inteira!
Passei só para dizer olá e deixar beijinhos...

o escriba disse...

Ana Lagartinha

É mesmo para cantar. Assim aliviamos as canseiras de um dia de trabalho!

bjinhos
Esperança

Tiago R Cardoso disse...

eu gostei da do momento e fiquei também com a canção no ouvido.

o escriba disse...

Tiago R Cardoso

É uma canção para reflectir.
Na pressa dos dias o "eu" não ouve o "tu" e quando se presta a ouvir às vezes já é tarde.


Um abraço
Esperança

Sophiamar disse...

Gosto muito desta canção.Tem um significado muito especial para mim e sinto que, para ti também. Tem esperança! É a última coisa que se perde. Não desistas de esperar que o encontro não tardará.
Beijinhos

o escriba disse...

Isabel

Amiga, também gosto muito e diz-me muito.

bjinhos
Esperança

elvira carvalho disse...

Gosto tanto dessa canção. Ai mas quem me dera ter todo o tempo do mundo.
Um abraço

o escriba disse...

Elvira

Já não sei quem disse que o tempo é aquilo que queremos fazer com ele, por isso carpe diem!

bjinhos
Esperança

rendadebilros disse...

Todo o tempo do mundo... enquanto houver tempo... não perder mais tempo é que é preciso.
Beijos.

o escriba disse...

rendadebilros

É tudo uma questão de tempo!

bjs
Esperança

lagartinha disse...

Aproveitei o tempo que tenho para vir deixar um beijo...

o escriba disse...

Ana Lagartinha

Agradeço o seu miminho e também desejo um bom fim de semana

bjinhos
Esperança

joshua disse...

A canção mora cá dentro.

o escriba disse...

Joshua

Obrigada pela visita e pelo comentário.
Bem vindo ao meu canto.

Um abraço
Esperança

joshua disse...

Estou certo que voltar aqui será um refrescante e reiterado hábito.

o escriba disse...

Joshua

Obrigada pelas suas palavras.

Um abraço
Esperança

peciscas disse...

Gosto muito dessa música do Rui.
E é bom dizer a alguém que temos todo o tempo do mundo para ela.

o escriba disse...

Peciscas

É bom quando isso acontece.

Bom fim de semana
Um abraço
Esperança

Jorge P.G disse...

Mais um bonito poema do Tê, musicalmente vestido pelo talento do Rui.
Do melhor que por cá se faz na música chamada ligeira!

Um abraço.

o escriba disse...

Jorge

O Rui canta palavras como só ele sabe!


Um abraço
Esperança